16 março 2017

Ex-militar é preso com mais de 500 kg de explosivos em Fortaleza-CE

O ex-militar do Exército Brasileiro (EB), José Javando Linhares Filho, 32 anos, foi preso nesta terça-feira, 14, com mais de 500 kg de artefatos explosivos. Os artefatos estavam armazenados na casa dele, localizada na avenida Independência, no bairro Quintino Cunha. Ele não possui antecedentes criminais. De acordo com a Polícia, foram apreendidos três rolos de cordel detonante, seis sacos de explosivo granulado, totalizando 15 kg, 163 unidades de espoleta com estopim, 307 unidades de emulsão e 485 unidades de espoleta e cordel detonante, além de um celular. Os policiais chegaram até o imóvel do ex-militar após denúncias anônimas.

José Javando disse à Polícia que é proprietário de uma empresa prestadora de serviços de detonação e que realiza trabalhos para um empreendimento que faz obras para a Enel (antiga Coelce), na implantação de postes. Informou ainda em depoimento que as sobras dos explosivos usados no trabalho seriam utilizadas em outro serviço e confessou ter ciência que a legislação determina que os produtos não utilizados sejam descartados.

O ex-militar foi preso em flagrante, encaminhado à Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) e autuado em por porte ilegal de explosivos. A especializada dá continuidade às investigações sobre o caso no sentido de apurar a futura possível utilização das substâncias.

A ação que culminou na prisão de José Lavando foi realizada em conjunto pela Coordenadoria de Inteligência da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), o Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque) da Polícia Militar do Estado do Ceará (PMCE) e a DRF.

* Alto Santo É Notícia via O Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário