13 março 2017

Homem queima mulher e bebê com café quente.

Um homem foi preso depois de jogar café quente na mulher enquanto ela amamentava o filho recém-nascido, em Juiz de Fora, na Zona da Mata mineira. Depois de queimar a companheira e o bebê, o suspeito tentou fugir, mas foi detido por um vizinho que é policial aposentado.

Micaela Fabiana Bento, de 28 anos, contou que foi atacada pelo companheiro Diego Almeida Freitas (foto), de 25, porque ele estava estressado por não conseguir realizar um assalto. A vítima relatou que o rapaz encheu um pote com a bebida quente e arremessou nela.

— Ele foi até a cozinha, onde a minha prima estava fazendo café fervendo, encheu um pote e, no meu quarto, ele jogou em mim.

A jovem contou que ficou desesperada. Ela não sabia se tirava a blusa com o café fervendo ou se socorria a filha, de um ano e 10 meses que estava mamando no colo dela no momento da agressão. Segundo ela, o bebê teve ferimentos na testa e na perna.

A mulher foi socorrida pelo vizinho José Maurício da Silva, que é um policial aposentando. Silva relatou que ouviu os gritos de Micaela e ao chegar na casa, encontrou a vítima gritando. No momento, ele também impediu que Freitas fugisse do local, até que a polícia chegasse.

— Ela estava molhada e a fumaça saia do corpo dela. A pele estava saindo.

Freitas tem passagens pela polícia. Ele teve prisão confirmada e foi levado para o Ceresp (Centro de Remanejamento do Sistema Prisional) da cidade. Micaela pede que outras vítimas não tenham medo de denunciar e procurem ajuda antes que seja tarde.

— Tem que denunciar mesmo porque, senão, o que ele faz comigo, ele pode fazer com qualquer outra. Se eu ficasse deixando, eu ia ser morta. Via R7.

Nenhum comentário:

Postar um comentário