Pistoleiros param ambulância da cidade de Patu e matam paciente enganado

 
 Exclusivo: Imagens de José Etelvino da Silva e Klebia foram cedidas e autorizada pela familia - O Câmera
Do Camerâ
 
Madrugada de terror no Oeste do Rio Grande do Norte, pelo menos para o motorista de uma ambulância da cidade de Patu e Klebia Maria "Klebinha" de 22 anos de idade, neta de José Etelvino da Silva "Zezinho" de 67, que estava sendo transferido para tratamento de saúde em Natal.

Criminosos fortemente armados de escopeta calibre 12 e pistola 9mm, pararam o veículo, mandaram o motorista correr e abriram o veiculo na bala.

Dentro da ambulância, eles mataram "Zezinho" e quebraram as pernas da acompanhante, "Klebinha", para só depois perceberem que mataram a pessoa errada. Segundo informações, a moça só escapou, por que estava na parte da frente do veiculo com o motorista.
Segundo informações, a emboscada teria sido preparada para "Ariano Suassuna", que foi vitima de outro atentado na região de Patu, e deveria ter sido transferido para Natal na noite de ontem, mas teria desistido de viajar, momentos antes.


O motorista no veiculo de socorro, nada sofreu. A mulher que acompanhava a vitima foi socorrida para o Hospital Regional Tarcísio Maia em Mossoró. O corpo do Idoso foi removido para a Unidade Regional do Itep em Mossoró.
Fonte;O Camera

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SEGUIDORES