03 abril 2017

Candidaturas de “não-políticos” caem na graça do povo

 Com a rejeição do eleitorado brasileiro à classe política, as candidaturas de personalidades que não têm histórico na política tradicional estão caindo na graça do povo.

A aposta para 2018 é em nomes de grande sucesso do mundo empresarial ou figuras públicas de grande credibilidade.

No Rio Grande do Norte, os nomes do empresário Flávio Rocha, dono da Riachuelo, e do desembargador Cláudio Santos ganham força para disputar cargos eletivos.
 
Fonte:Robson Pires

Nenhum comentário:

Postar um comentário