Relator de pacote anticorrupção concordou em receber por caixa dois desde o início, diz delator

O Globo
Relator do pacote anticorrupção proposto pelo Ministério Público Federal no ano passado, o deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS) concordou desde o início em receber recursos por caixa dois, de acordo com o relato do ex-diretor da Odebrecht Alexandrino Alencar em sua delação premiada. Segundo o relato, houve o pagamento de R$ 175 mil no ano de 2006 e o codinome usado foi “inimigo”.

— O senhor Onyx Lorenzoni sabia que ia receber via caixa dois? — questionou o procurador.

— Sim, soube — respondeu Alexandrino.

— Isso foi dito já nessa conversa inicial? — perguntou o investigador.

— Já foi dito nessa conversa inicial — disse o ex-executivo.

— Ele anuiu com isso? — questionou o procurador.

— Sim, Anuiu. Normal, anuiu. Não houve nenhuma rejeição, nenhum se não disso aí — afirmou Alexandrino.

Blog do BG: http://blogdobg.com.br/#ixzz4eDbJjtbe

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SEGUIDORES