25 agosto 2017

Protesto: “Me dê o cupom fiscal” está tomando conta da cidade de Caicó/RN

 
A população de Caicó que compra a vista abriu os olhos e começou a pedir nota fiscal de abastecimento em Postos de combustíveis da cidade, o que antes não era feito. A medida tem por objetivo principal a diminuição do preço nas bombas dos postos de combustíveis para o consumidor.

Com o aumento nos preços da gasolina, diesel e etanol devido ao aumento na porcentagem do imposto do governo federal a população que comumente paga a conta final resolveu protestar e exigir o cupom fiscal da gasolina colocada em seus veículos.

Na prática, a tendência é a redução da sonegação fiscal por parte de alguns postos sonegadores e obrigar os respectivos propritários a baixarem os seus preços.

Ao gerar o cupom fiscal de R$ 20,00 reais, por exemplo, o posto paga um tributo aproximado de R$ 2,69 ao governo Federal, R$ 5,80 ao Estadual, e R$ 0,00 ao Municipal. Isto quer dizer que, com a solicitação do cupom fiscal dos R$ 20,00, o posto paga o total de R$ 8,79 de tributos e fica com R$ 11,21 do total.

“Já aderi ao protesto e comecei a pedir o cupom fiscal hoje. Vamos fazer nossa parte e exigir o cupom da gasolina para exercermos nossa cidadania e exigir o que é nosso por direito até eles abaixarem os preços. Pedir o cupom também vai me ajudar a controlar meus gastos sabendo quanto estou gastando por mês, já que só abasteço no dinheiro“, disse um taxista caicoense.

Nenhum comentário:

Postar um comentário