19 outubro 2017

Lula: “a Lava Jato mentiu e tem que pedir desculpas por destruir a indústria”

Em entrevista a rádio de Belo Horizonte nesta manhã, pouco depois de anunciar uma nova caravana em Minas Gerais, o ex-presidente disse que há três anos tentam lhe destruir; "Tenho mais de 60 capas de revistas e mais de 25 horas de Jornal Nacional contra mim", destacou; "Me dão tiro de canhão todo dia e estou vivo. Deram um tiro de garrucha no Aécio e ele não aguentou", ironizou; Lula disse querer "cuidar da soberania do país"; "Esse país não pode ser vendido", defendeu, em crítica às privatizações do governo Temer; ele também fez críticas à Lava Jato; "A Polícia Federal e o Ministério Público da Lava Jato mentiram. Eles que têm que se explicar e pedir desculpas por destruir a indústria. Espero que eles tenham vergonha e peçam desculpas à sociedade brasileira pelo estrago".

Nenhum comentário:

Postar um comentário