Assessores de Henrique têm prisões convertidas para preventivas pela JFRN

 
Norton Nasera, ex-chefe de assessoria parlamentar do gabinete do ministério do Turismo, e Aluísio Henrique Dutra de Almeida, assessor do ex-ministro Henrique Alves (PMDB), tiveram suas prisões provisórias convertidas em preventivas pela Justiça Federal do Rio Grande do Norte.

A decisão foi tomada pelo órgão nesta terça-feira 31 e, consequentemente, agora não há mais prazo para soltura dos investigados na Operação Lavat, desdobramento da Operação Manus, que resultou na prisão de Henrique Alves.

Norton e Aluísio haviam sido presos temporariamente na última semana, ao ser constatado pelo Ministério Público que eles estavam auxiliando Henrique (mesmo na cadeia) a ocultar bens e lavar dinheiro. O ex-assessor do ministério do Turismo foi exonerado pelo governo também na última semana, após a Polícia Federal fazer buscas em seu escritório, em Brasília, e encontrar R$ 30 mil em dinheiro.

A Operação Lavat investiga pessoas do círculo de Henrique Alves que teriam auxiliado o ex-ministro a lavar dinheiro e ocultar patrimônio enquanto mesmo com ele preso na Academia de Polícia Militar, em Natal.

Fonte: Agora RN.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SEGUIDORES