22 novembro 2017

PSOL PEDE CASSAÇÃO DE PICCIANI, ALBERTASSI E MELO

 
Deputados do PSOL protocolaram, nesta quarta-feira, denúncia no Conselho de Ética da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), por quebra de decoro, contra os deputados Jorge Picciani, Edson Albertassi e Paulo Melo, todos do PMDB e acusados, na operação Cadeia Velha, de receber propina de empresas de ônibus.

PSOL pede que, no final do processo, se comprovadas as acusações, que eles sejam punidos com a perda do mandato. O presidente do Conselho de Ética é o deputado Edson Albertassi, um dos alvos da denúncia do PSOL, e que está preso junto com Picciani e Paulo Melo. O PMDB deve indicar outro deputado para o cargo, já que a composição do conselho segue a proporcionalidade das bancadas na Casa.

A Mesa Diretora tem cinco dias úteis para encaminhar a denúncia ao Conselho de Ética, cujo presidente, segundo o Código de Ética da Alerj, instaurará o processo, designando relator.

Nenhum comentário:

Postar um comentário