Walter pega pênalti, Corinthians conta com herói improvável, bate o Atlético-PR e abre 8 na ponta

O Corinthians contou com heróis improváveis nesta quarta-feira e deu um passo importantíssimo na disputa pelo título do Campeonato Brasileiro.
Com brilho do goleiro Walter e do ‘renegado’ Giovanni Augusto, o time alvinegro conseguiu vencer o Atlético-PR por 1 a 0 em plena Arena da Baixada.
Walter brilhou logo no primeiro tempo. Reserva, ele ganhou a chance de jogar porque Cássio está na seleção brasileira. E mostrou mais uma vez que Fabio Carille sempre pode confiar com ele.
Aos 31 minutos, Nikão tentou cruzamento na área e viu a bola bater na mão de Fagner. O juiz marcou pênalti. Na cobrança, o mesmo Nikão bateu no meio do gol e parou nas mãos de Walter.
Já na etapa final, Giovanni Augusto saiu do banco aos 19 minutos para entrar no lugar de Clayson. A torcida não gostou muito da alteração, mas logo viu que Carille tinha sua razão.
Aos 31, Giovanni recebeu pela esquerda, cortou para o meio e bateu cruzado. A bola passou na frente de muita gente e enganou o goleio Weverton, que não conseguiu fazer a defesa e viu a bola morrer no fundo do gol.
Com o triunfo, o Corinthians vai aos 65 pontos, oito de frente para Grêmio, que venceu a Ponte Preta nesta quarta e assumiu a vice-liderança. Para Santos e Palmeiras, derrotados por Vasco e Vitória, respectivamente, a vantagem subiu ainda mais. São 9 para o time da Vila Belmiro e 11 para o do Allianz Parque.
O próximo compromisso corintiano é no sábado, em casa, diante do Avaí.
A única má notícia foi a lesão de Walter, que deixou o jogo pouco antes dos 40 minutos sentindo um problema na coxa. Se a contusão for grave, o Corinthians deve atuar com o terceiro goleio (Caíque França, que entrou nesta quarta, ou Matheus Vidotto) diante dos catarinenses.
Já o Atlético-PR fica com 42 pontos, momentaneamente na 12ª posição. O time também volta a campo no sábado para visitar o Botafogo.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-PR 0 x 1 CORINTHIANS

Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)

Data: 8 de novembro de 2017, quarta-feira
Horário: 21h (de Brasília)
Árbitro: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ)
Assistentes: Rodrigo Corrêa e Thiago Farinha (ambos do RJ)
Cartões amarelos: Thiago Heleno e Fabrício (Atlético-PR); Maycon (Corinthians)

Gol: CORINTHIANS: Giovanni Augusto, aos 32 minutos do segundo tempo
ATLÉTICO-PR: Weverton; Jonathan, Paulo André, Thiago Heleno e Fabrício; Pavez e Lucho González; Felipe Gedoz (Douglas Coutinho), Nikão (Pablo) e Lucas Fernandes (Matheus Anjos); Ribamar. Técnico: Fabiano Soares
CORINTHIANS: Walter (Caíque França); Fagner, Balbuena, Pablo e Guilherme Arana; Camacho, Maycon (Paulo Roberto), Romero, Rodriguinho e Clayson (Giovanni Augusto); Jô. Técnico: Fábio Carille

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SEGUIDORES