12 dezembro 2017

Em jogo decidido na prorrogação, Grêmio vence o Pachuca do México e está na final do Mundial de Clubes, no sábado

Tricolor gaúcho teve um duro adversário, e conseguiu vencer a defesa mexicana no início do 1º tempo da prorrogação, com o atacante Evérton.

O sonho do Grêmio em conquistar o bicampeonato mundial segue mais vivo do que nunca. Nesta terça-feira (12), o Tricolor suou, precisou da prorrogação, mas venceu o Pachuca-MEX por 1 a 0, no Estádio Hazza bin Zayed, em Al Ain.
O responsável por garantir o Grêmio na final do Mundial de Clubes foi Everton, que saiu do banco de reservas para decidir.
Agora, o Grêmio espera a definição da outra semifinal entre Real Madrid e Al Jazira-EAU, que acontece nesta quarta (13), no Estádio Xeique Zayed, em Abu Dhabi. Campeão europeu e liderado por Cristiano Ronaldo, o time espanhol é amplo favorito para chegar à decisão.
O público do confronto foi um verdadeiro fiasco. Apesar de toda importância do duelo, apenas 6.428 pessoas compareceram ao estádio, que tem capacidade para mais de 22 mil pessoas e que foi inaugurado em 2014.
O jogo foi bastante truncado, com muita disputa no meio de campo e poucas chances de gol. No primeiro tempo, o Pachuca levou mais perigo e o time brasileiro foi salvo pelo lateral Cortez, que apareceu bem em dois lances na defesa. Na etapa final, o Grêmio passou a dominar as ações ofensivas e por pouco não saiu na frente em chute de Luan. O camisa 7 parou em defesa do veterano Óscar Pérez.
O gol da classificação gremista saiu apenas na prorrogação. Após jogada individual, Everton chutou forte e venceu o experiente goleiro Óscar Pérez, de 44 anos, logo aos cinco minutos.
Foto: Matthew Childs/Reuters – 12.12.2017
Há cerca de 10 minutos para o fim da partida, a situação dos brasileiros ficou mais confortável. Victor Guzman recebeu cartão vermelho, deixando o Pachuca com um homem a menos. Sem força para buscar a igualdade, a partida terminou com vitória gremista por 1 a 0.
A outra semifinal do Mundial de Clubes será disputada nesta quarta-feira (13) entre Real Madrid e Al Jazira-EAU, em Abu Dhabi. A decisão acontecerá no sábado (16) entre o vencedor deste duelo e o Grêmio, que buscará seu segundo título mundial.
 
R7

Nenhum comentário:

Postar um comentário