18 janeiro 2018

Juiz nega prisão domiciliar a Maluf

Felipe Amorim
Do UOL, em Brasília
O juiz da Vara de Execuções Penais do DF, Bruno Aielo Macacari, negou o pedido de prisão domiciliar feito pelo deputado federal Paulo Maluf (PP-SP), que tem 86 anos.
Os advogados de Maluf, que está preso na Papuda, em Brasília, pediam que fosse concedida a prisão domiciliar por causa do estado de saúde do deputado.
A defesa alega que o deputado sofre de doenças graves como câncer de próstata, hérnia de disco e problemas cardíacos. Ao ser preso, ele usava uma bengala para ajudar na locomoção.
Na decisão, o juiz afirma que Maluf tem condições de ser atendido, se preciso, dentro do presídio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário